No intuito de fortalecer as políticas públicas direcionadas à infância e à adolescência voltadas à redução das desigualdades e à garantia dos direitos dos jovens, o município de Maranguape tem trabalhado para conquistar o Selo UNICEF. O município deve desenvolver 17 indicadores nas mais diversas áreas.

De acordo com a articuladora da iniciativa, a primeira-dama do município, Thais Castro Xerez, as ações vão ser desenvolvidas de forma intersetorial pelas secretarias para melhorar a qualidade de vida das crianças com eficiência. “A ideia é melhorar a vida de crianças e adolescentes maranguapenses potencializando as políticas públicas nas áreas da saúde, educação, assistência social, lazer e esporte”, explicou.

O grupo ainda é composto pelas assessoras Rebeca Louise e Liliana Lopes, Virgínia Queiroz representando o Comdica com a fiscalização e proposição de ações nos direitos das crianças e adolescentes e pelo servidor Emilson Medeiros como mobilizador de adolescentes e jovens nos 17 distritos.

Na última reunião do grupo, foram estudadas as metas para serem divididas entre secretarias ao longo dos três anos de trabalho.

Selo UNICEF

O Selo UNICEF é uma iniciativa do Fundo das Nações Unidas para a Infância – UNICEF voltada à redução das desigualdades e à garantia dos direitos das crianças e dos adolescentes previstos na Convenção sobre os Direitos da Criança e no Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Realizado em parceria com os municípios do Semiárido e da Amazônia Legal Brasileira, o Selo UNICEF busca contribuir com o fortalecimento das políticas públicas direcionadas à infância e à adolescência, com o desenvolvimento das capacidades dos gestores municipais e com o estímulo à mobilização social e à participação dos adolescentes.

A última vez que Maranguape conquistou o Selo Unicef foi no ano de 2006.

Deixe uma resposta