A Secretaria de Saúde de Maranguape, por meio da Diretoria de Vigilância à Saúde e das equipes de Saúde da Família, promove, dos dias 20 a 24 de março, ações para intensificar as atividades de controle da tuberculose com o diagnóstico precoce e avaliação dos pacientes para evitar complicações em decorrência da doença.

Durante toda esta semana, as 35 equipes de Saúde da Família vão percorrer a cidade com palestras nas Unidades Básicas de Saúde e nas escolas, visitas domiciliares, caminhadas de conscientização e oficinas educativas.

Segundo informações da Diretoria de Vigilância a Saúde, o trabalho de conscientização, cuidado e tratamento da doença já é realizado durante todo o ano no município. As ações têm o intuito de alertar ainda mais a população sobre os sintomas da tuberculose e a importância de se iniciar um tratamento precoce para evitar complicações e até óbitos.

Nos últimos dois anos, conforme a Secretaria de Saúde, o município registrou oito mortes decorrentes de complicações da doença. Por isso, a Prefeitura defende a importância de se iniciar o tratamento o mais rápido possível. O tratamento da tuberculose já é realizado nos postos de saúde e as ações desta semana estão sendo feitas em todas as unidades de saúde de Maranguape.

Sintomas

Os sintomas da tuberculose são: tosse com expectoração, cansaço, febre no final do dia, suor à noite, emagrecimento e gânglios no pescoço. A doença pode ser prevenida pela vacina BCG. Apesar de grave e mortal, o tratamento correto desta doença garante a cura ao paciente.

As equipes de Saúde da Família das Unidades Básicas de Saúde são compostas por médico, enfermeira, técnica de enfermagem, dentista, auxiliar odontológico e agente comunitário. Essa mobilização é alusiva ao Dia Mundial de Combate à Tuberculose, celebrado no dia 24 de março.

Ação passará por 30 distritos e bairros

As ações da Semana Municipal de Mobilização e Luta Contra a Tuberculose serão realizadas em mais de 30 localidades, distritos e bairros de Maranguape. As equipes serão distribuídas nos distritos de Amanarí, São João do Amanarí, Manoel Guedes- Rato, Tanques, Cachoeira, Lagoa do Juvenal, Itapebussu, Penedo, Umarizeiras, Papara, Antônio Marques, Jubaia, Lages, Sapupara, Ladeira Grande e Serra do Lagedo e nas localidades de Forquilha, Gereraú e Urucara, e nos bairros Novo Maranguape,  Área Verde, Área Seca, Parque Santa Fé, Parque São João, Guabiraba, Pau Serrado, Parque Iracema e Centro.

Deixe uma resposta