Visando o bem-estar e a valorização da mulher maranguapense, a Prefeitura de Maranguape, lança, na sexta-feira (31), às 17h, na Escola Maria Eugênia, no distrito de Itapebussu, o novo projeto de aula de dança para as mulheres. Neste projeto, além da dança, as mulheres terão atendimento nutricional, terapias, palestras e passeios.

As inscrições para o novo projeto de aula de dança começaram no dia 6 de março e vão acontecer durante todo o ano em todos os Centros de Referência da Assistência Social (CRAS). Até o momento, mais de 1.020 mulheres já se inscreveram e tiveram a oportunidade de sugerir o novo nome para o projeto. Os três nomes selecionados são: De bem com a Vida, Projeto Atitude Dança e Projeto Dança e Vida.

Durante o lançamento, o prefeito João Paulo Xerez, em conjunto com todas as mulheres maranguapenses, vai escolher o novo nome para o projeto. As aulas de dança vão acontecer em 25 localidades do município e serão realizadas duas vezes na semana.

As aulas de dança começam oficialmente, na segunda-feira (3), nos seguintes distritos, localidades e bairros: Itapebussu, Amanarí, São João do Amanarí, Manoel Guedes – Rato, Lagoa do Juvenal, Serra do Lagedo, Lages, Jubaia, Ladeira Grande, Penedo, Forquilha, Recanto, Tabatinga, Cajueiro, Outra Banda e Parque São João. As aulas nos demais locais aguardam o fechamento definitivo dos endereços que vão ocorrer as atividades.

Março Mulher

Na sexta-feira (31), a partir das 17h, na praça São Miguel, no distrito de Itapebussu, será realizado o encerramento da programação do Março Mulher, em referência ao Dia Internacional da Mulher, que ao longo deste mês desenvolveu uma série de atividades.

No distrito, terá feira gastronômica e de artesanato e para finalizar a noite vai ter apresentação musical. A programação do Março Mulher é desenvolvida pela Coordenadoria de Política para a Mulher, o Centro de Referência da Mulher e o Conselho da Mulher, órgãos vinculados à Secretaria do Trabalho e Desenvolvimento Social (STDS).

Deixe uma resposta